fbpx
22.1 C
João Pessoa
Início João Vicente Machado A modernidade não mudou o espirito do anoitecer do sertão

A modernidade não mudou o espirito do anoitecer do sertão

A noite do Sertão fotografada por Gustavo Bettini e Lia Lubambo

A chamada poesia matuta é uma modalidade poética coloquial usada no Nordeste Brasileiro, principalmente na área do semiárido.

Em que pese a chancela com velado propósito depreciativo, lembramos que essa era a modalidade de poesia quase sempre usada por ninguém menos do que Patativa do Assaré, o qual, em função do seu oficio, ficou mundialmente conhecido e foi agraciado com 5 títulos de Doutor Honoris Causa de Universidades Diversas.

O poeta José Barbosa Monteiro Filho, codinome Onildo Barbosa, autor da poesia que lhes trazemos, é um expoente da geração mais nova, nascido na zona rural do município de Natuba na Paraíba, em 1955 e já surgiu numa época em que o sertão havia passado por transformações inevitáveis provocadas pela modernidade que alterou um pouco a sua originalidade sem, contudo, desfigurar=lhe.

Ele alterna inteligentemente momentos das duas épocas sem abrir mão da prerrogativa de evidenciar valores éticos e morais ainda resistentes.

Neste ano de 2022 vamos viver um ano de fundamental importância na política em que esperamos seja o marco zero de uma virada histórica, no sentido de renovar tanto o poder executivo nas três esferas, como as casas legislativas. Em primeiro lugar quando falamos de política queremos nos reportar à política com P maiúsculo, muito diferente da prática nefasta posta em prática pelas oligarquias decadentes de mais de quatrocentos anos. Renovar em política não é trocar apenas rostos mais novos por rostos de mais idade. Isso quem faz é a Rede Globo. Tampouco é tocar uma oligarquia por outra e sim bani-las da vida pública.

Se tivermos consciência de que somos quase 85% de explorados e se nos organizarmos, nos mobilizarmos e nos unirmos, teremos condições de vencer.

Confiram no poema de Orlando Barbosa como essa lição nos é ensinada!

Relacionados

Tudo Passa Sobre a Terra

   Não foram poucas as vezes   que fizemos uso da famosa frase do escritor cearense José de Alencar, usada por ele ao finalizar o...

Absolutismo á Brasileira em Pleno no Século 21

O absolutismo foi um sistema de governo político e econômico, adotado na Europa entre os séculos XVI e XVIII, na fase transitória entre o...

Processos eleitorais semelhantes?

As últimas eleições presidenciais realizadas nos Estados Unidos, aconteceram no ano de 2020 numa disputa ferrenha e num clima de discórdia acirrado, cenário nunca...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas

Tudo Passa Sobre a Terra

   Não foram poucas as vezes   que fizemos uso da famosa frase do escritor cearense José de Alencar, usada por ele ao finalizar o...

A esperança voltou!

  A semana que antecedeu as convenções partidárias foi muito movimentada, notadamente pela visita à Paraíba do presidente Luiz Inácio da Silva- Lula. A festa...

Um pequeno fragmento da história da Paraíba

  Não poderia deixar passar em branco em nossa coluna, o aniversário de nossa querida Parayba . Não vou entrar em detalhes ou contestar nada...

Você não é todo mundo

Hoje eu me reservo o direito de usar essa máxima usada por mães mundo afora para falar da minha mãe. Se tem uma coisa...

Mais Lidas

OS 11 princípios de Joseph Goebbels

Texto originalmente publicado em 08/01/2020    Joseph Goebbels, para os que não têm a informação, foi ministro da propaganda de Adolf Hitler e comandou a...

Você não é todo mundo

Hoje eu me reservo o direito de usar essa máxima usada por mães mundo afora para falar da minha mãe. Se tem uma coisa...

Trinta Navios de Dimas Macedo

Navegar, mergulhar e voltar à tona sempre foi um desafio na vida de Dimas Macedo. Os Navios construídos por ele navegaram do Rio Salgado...

Um pequeno fragmento da história da Paraíba

  Não poderia deixar passar em branco em nossa coluna, o aniversário de nossa querida Parayba . Não vou entrar em detalhes ou contestar nada...