fbpx
28.1 C
João Pessoa
Início Notícias Futebol Bem Humorado

Futebol Bem Humorado

Por; João Vicente Machado

O futebol além de se constituir em válvula de escape das agruras da vida é uma forma de unir os desiguais na escala social, nivelar os diferentes e fazer a festa da plateia, notadamente nas cidades interioranas dos tempos de antanho, onde o lazer era escasso.

Nos pequenos burgos ele é, ou pelo menos era na minha época, praticado de forma amadorística e os atletas se aglomeravam nas agremiações para defender suas cores, de acordo com as suas preferências.

Hoje lhes trago um fato real ocorrido na cidade do Icó lá no Ceará, num jogo entre o Flamengo de Lavras e a Seleção do Icó, que em termos futebolísticos nunca levou vantagem com os times de Lavras da Mangabeira, quer porque tinha um futebol inferior, quer porque tinha um juiz baixinho  de nome Rafael, que era para o Icó o que um certo VAR é para um time famoso do Brasil.

Veja o vídeo:

Relacionados

A esperança voltou!

  A semana que antecedeu as convenções partidárias foi muito movimentada, notadamente pela visita à Paraíba do presidente Luiz Inácio da Silva- Lula. A festa...

Processos eleitorais semelhantes?

As últimas eleições presidenciais realizadas nos Estados Unidos, aconteceram no ano de 2020 numa disputa ferrenha e num clima de discórdia acirrado, cenário nunca...

A verdadeira face de Jesus

Em que pese a nossa condição de ateu, nascemos num lar cristão. Portanto não nos constrange revelar a nossa identidade com as práticas cristãs....

1 COMENTÁRIO

  1. O futebol é um esporte muito apreciado em Lavras da Mangabeira, essa paixão é antiga. Me contou a memorialista Neide Freire que em Lavras de outrora, Lavras da década de 1930, os jovens acadêmicos organizavam diversas atividades para aproveitarem as férias. O futebol era o carro chefe.
    Na época existiam dois times: o Pirata e o Mangabeira.
    Pirata, vestia um terno azul, formado pelos jovens da cidade; Mangabeira se vistia de vermelho, era o time dos acadêmicos, o jogo acontecia no Largo da Capela do Rosário. O jogo não obedecia as regras, os mais fortes e aguerridos eram os mais clasdificados. Havia um jogador do Mangabeira que ao perceber que seu time seria derrotado, queixava-se de mal estar e deixava o campo, assim terminava o prélio, sem vencido e sem vencedor.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas

Tudo Passa Sobre a Terra

   Não foram poucas as vezes   que fizemos uso da famosa frase do escritor cearense José de Alencar, usada por ele ao finalizar o...

A esperança voltou!

  A semana que antecedeu as convenções partidárias foi muito movimentada, notadamente pela visita à Paraíba do presidente Luiz Inácio da Silva- Lula. A festa...

Um pequeno fragmento da história da Paraíba

  Não poderia deixar passar em branco em nossa coluna, o aniversário de nossa querida Parayba . Não vou entrar em detalhes ou contestar nada...

Você não é todo mundo

Hoje eu me reservo o direito de usar essa máxima usada por mães mundo afora para falar da minha mãe. Se tem uma coisa...

Mais Lidas

OS 11 princípios de Joseph Goebbels

Texto originalmente publicado em 08/01/2020    Joseph Goebbels, para os que não têm a informação, foi ministro da propaganda de Adolf Hitler e comandou a...

Você não é todo mundo

Hoje eu me reservo o direito de usar essa máxima usada por mães mundo afora para falar da minha mãe. Se tem uma coisa...

Trinta Navios de Dimas Macedo

Navegar, mergulhar e voltar à tona sempre foi um desafio na vida de Dimas Macedo. Os Navios construídos por ele navegaram do Rio Salgado...

Um pequeno fragmento da história da Paraíba

  Não poderia deixar passar em branco em nossa coluna, o aniversário de nossa querida Parayba . Não vou entrar em detalhes ou contestar nada...