fbpx
23.1 C
João Pessoa
Início Começar de Novo!
Array

Começar de Novo!

                                      

Assembleia Nacional Constituinte Francesa  – à esquerda ao alto, o rei; à esquerda, embaixo, o clero; e em frente, o terceiro estado. Em primeiro plano, de negro, a nobreza.

Por: João Vicente Machado

Encerrado o processo eleitoral em primeiro turno das eleições de 15/11/2020, restaram 57 cidades que realizarão o segundo turno, dos quais 18  são capitais  e  o restante são 39 cidades.

Todos sabem que somente nas cidades com mais de 200 mil habitantes, é que o pleito, quando não é decidido no primeiro turno, leva as eleições para o segundo. Aqui na Paraíba, apenas a Capital e Campina  Grande  terão segundo turno, pelos motivos já citados, onde  apenas Campina Grande decidiu o jogo no primeiro tempo.

Por convicção pessoal eu nunca acreditei no modelo eleitoral pluripartidário, adotado pela grande maioria dos países do mundo e o meu raciocínio é muito simples, começando com uma interrogação:

O que é partido? E a resposta vem do dicionário: o que é  dividido em partes.

Então, partido é, ou deveria ser, uma parte da população que tem ideias políticas convergentes, que se agrupa, para hegemonizar a  governança. 

Todos sabem, embora muitos queiram fugir do assunto, que a sociedade é dividida em classes sociais, a saber: a classe dominante, que é amplamente  minoritária em número, embora detenha a propriedade dos meios de produção,  e a classe dominada, que é a esmagadora  maioria da população, despossuída de riqueza e  detentora apenas da mão de obra laboral, única mercadoria que têm para vender.

Da mão do operário é que vem o trabalho que aciona  os meios de produção para reproduzir o capital, o qual  não se multiplica sozinho para gerar a  Riqueza das Nações, como refere Adam Smith no seu livro clássico da economia liberal, ele que é  considerado o pai do liberalismo econômico, dogma de fé do capitalismo. 

A elite de todo mundo capitalista que hegemoniza secularmente o poder econômico, exerce controle e domínio sobre a política partidária, subordinada e movimentada pela polia da economia. Essa elite  tem o “sistema pluripartidário” como forma de organização política, para superar as divergências interna corporis que residem na partilha do butim,  teve que distribuir seus adeptos, acomodando-os  em vários partidos como forma  harmoniza-los. 

Eles alegam, cinicamente, que “o objetivo é propiciar o contraditório político, a liberdade de ideias, além de  ampliar a democracia”. 

Assim nascem as legendas, cujas bancadas no congresso nacional recebem nomes sugestivos nascidos da verve do povo: bancada da bala, bancada do boi, bancada da bola, bancada da bíblia, bancada do jaleco, bancada dos  banqueiros, bancada da educação privada, bancada da mineração, bancada da indústria etc.

As legendas representativas dos partidos políticos, embora de siglas diferentes, são a mesmíssima coisa, ou seja, um partido único: MDB, DEM, PODEMOS, AVANTE, PSDB, CIDADANIA, REDE, PTC, PMN, PRTB, PSLNOVOVERDEPMB PATRIOTA  etc.

Em termos de conteúdo programático, e ideologia política, tirante uma vírgula aqui ou um ponto acolá, perguntamos: em  sã consciência, em que  esses partidos divergem? Em nada! Constituem um grande partidão único de siglas diferentes e ideias iguais!

Nesse aglomerado, a vida partidária se desenvolve com base nos benefícios cruzados, até em termos de acomodação empregatícia da parentela, com a missão principal de salvaguardar os altos  interesses econômicos do capital,  de responsabilidade coletiva entre eles,  compensados,  por uma ação monolítica de de  “solidariedade incondicional,” que os transforma em rolos compressores por ocasião das votações, sempre  em defesa do establishment  e responde por um   nome aumentativo, como por exemplo: CENTRÃO!

Até mesmo no campo dos partidos ditos de esquerda, onde os mais expressivos são: PT, PDT, PSB, PCdoB e PSOL, há controvérsias profundas e o jogo é jogado às vezes num pragmatismo tamanho, que os conflitos interpartidários atingem até a harmonia interna de cada partido que têm, ou deveriam ter por pressupostos, uma unidade inabalável. 

A arrumação partidária para o segundo turno das eleições aqui na capital é um exemplo claríssimo do que afirmo, quando está se montando não uma, mas duas Arcas de Noé,  onde se acomoda  tudo.

E ai  daquela  liderança que emergir do meio desse   conglomerado partidário, professando ideias libertárias, priorizando o desenvolvimento social inclusivo, o atendimento prioritário às necessidades fundamentais  do ser humano, falando em descontração de renda, em taxação de grandes fortunas, em criação de solo criado para capitalizar a habitação dos pobres, em geração de emprego,  em habitação popular, em saneamento básico, em respeito aos direitos das mulheres, dos negros, dos índios, à diversidade de crença, a diversidade de gênero etc.

 Dolores Ibarruri-La Passionaria

Será: odiado, caluniado, perseguido, cassado, escorraçado, excluído, isolado e terá sobre si, toda superestrutura do estado burguês com todo aparelho coercitivo e ideológico (a imprensa oficial e oficiosa) contra sí.

Todavia, mesmo com a dureza da reação não devemos nos desiludir, nos arrefecer ou desistir, pois é isso que eles querem. Nós vamos isso sim, “fazer o que sempre fizemos ao longo da nossa  vida, nos erguer e começar tudo de novo.” 

Mais partidários, mais organizados, mais disciplinados, mais unidos, mais solidários, menos individualistas e  com a certeza que  a história não anda para trás.  Lembremos sempre do grito de guerra da revolucionária espanhola dos idos da guerra civil, Dolores Ibárruri, La Passionaria, que repetia em todos os seus discursos:

                   NON PASSARAN!

Consulta:

Fotografias:grabois.com.br;

Relacionados

A primeira entrevista publicada no Brasil

Em 1808, quando D. João chegou ao Rio de Janeiro, fugindo das tropas de Napoleão que haviam invadido Portugal, trouxe na sua imensa bagagem...

Mês dos pais

Conceituam-se os fenômenos para atender às necessidades, sejam de mercado, sejam de conveniência, mas conceituar transforma o simples no complexo e o certo no...

O que é Depressão?

A depressão é um transtorno que envolve o corpo, o humor e os pensamentos. Ela interfere no cotidiano, nas relações sociais, nas relações familiares...

2 COMENTÁRIOS

  1. A minha avó dizia que a história é um baú que ao longo do tempo vai acumulando fatos e personagens. A cada ciclo quando o baú está cheio,ele é emborcado e aberto para começar tudo de novo com vestimentas, ideias e comportamentos da atualidade vigente, arrastando os antigos interesses, também com nova roupagem. Mas, tudo continua como dantes no quartel de Abrantes.

  2. As elites dominadoras estão presentes nos bastidores da vida partidária e têm no pluripartidarismo o simulacro de liberdade de pensamento.
    Praticam uma política de compadrio para se locupletarem, em detrimento da grande massa trabalhadora, explorada até a medula em nome de uma tal “democracia” em que o povo entra com o pescoço e eles com o facão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas

A primeira entrevista publicada no Brasil

Em 1808, quando D. João chegou ao Rio de Janeiro, fugindo das tropas de Napoleão que haviam invadido Portugal, trouxe na sua imensa bagagem...

Mês dos pais

Conceituam-se os fenômenos para atender às necessidades, sejam de mercado, sejam de conveniência, mas conceituar transforma o simples no complexo e o certo no...

O que é Depressão?

A depressão é um transtorno que envolve o corpo, o humor e os pensamentos. Ela interfere no cotidiano, nas relações sociais, nas relações familiares...

Macacos não transmitem a varíola

O Brasil está mais vez está enfrentando uma pandemia diferente. Dessa vez é a varíola dos macacos (do inglês monkeypox). Essa varíola apresenta sintomas...

Mais Lidas

OS 11 princípios de Joseph Goebbels

Texto originalmente publicado em 08/01/2020    Joseph Goebbels, para os que não têm a informação, foi ministro da propaganda de Adolf Hitler e comandou a...

Medo e Liberdade

Tenho refletido muito, talvez pelo momento político, a respeito de liberdade em seu sentido mais amplo. Mas o que é liberdade? Segundo o dicionário...

Um beijo para o gordo

Sempre me pareceu um pouco tolo a emoção que muitas pessoas demonstram quando algum famoso morre. São famosas as cenas, como nos funerais de...

Afinal de Contas Que Canal é Esse?

Canal é um dispositivo hidráulico usado para transporte de água, muito conhecido de todos nós, desde a primitiva levada de terra, até os canais...