fbpx
27.1 C
João Pessoa
Início São João Virtual
Array

São João Virtual

Por: João Vicente Machado
    No dia 13 de junho, dia de Santo Antônio, o santo casamenteiro, foi dado  inicio ao tríduo junino tão celebrado no Brasil, notadamente no nordeste brasileiro. 

    A festa continuará com a celebração ao santo mais festejado do período que é São João Batista e encerrar-se-á no dia 29 de junho, data dedicada à celebração ao discípulo Pedro, padroeiro dos pescadores, que segundo a narrativa do antigo testamento, ele que foi o primeiro papa.

    Este ano surgiu um complicador irremovível que foi a crise sanitária que perdura e não esboça sinais de retroação a níveis endêmicos. Doravante iremos conviver com o covid 19 como tantas outras viroses conhecidas que têm surgido, menos letais  mas não menos famosas, que vez por outra retornam em forma de surto. 
    
    O racional, o obvio, foi o cancelamento dos festejos, como forma de evitar a propagação da pandemia e preservar os grupos de risco que são em grande maioria os idosos. 

    A criatividade aflorou da crise e tanto a classe artística como os promotores das festas, encontraram a solução na tecnologia e resolveram virtualizar as festas juninas. Evidentemente que a magnitude não pode de forma alguma ser a mesma dos períodos normais, quando o entusiasmo característico das apoteoses que são as festas de Campina Grande e Caruaru e todo o interior da Bahia. 

     Os artistas que têm mais intimidade com a festa e uma simbologia tipicamente sui generis além da forte ligação telúrica, têm se organizado e através de lives isoladas ou de forma coletiva, mostrando do que os nordestinos são capazes. 

    Temos visto Alceu Valença, Petrucio Amorim, Maciel Melo, Elba Ramalho, Jorge de Altinho, Nando Cordel, Amazan,  Waldonys, Tom Oliveira, Dorgival Dantas, Assisão, Alcimar Monteiro, Santana o Cantador e uma gratíssima revelação que é Flávio Leandro, de uma musicalidade pulsante e uma cultura geral de fazer inveja. Citei esses, mas existem muitos outros talentos surgindo no cenário da verdadeira musica popular nordestina. DO NORDESTE,

    A propósito disso, não sei se de autoria de Tom Oliveira, um grupo capitaneado por ele gravou uma musica sobre a festa virtual que postarei no final desse texto, de muitíssimo bom gosto.

     Esse era o momento de implementação de um incentivo oficial do ministério da cultura,  sob forma de política pública para assegurar a sobrevivência de quantos fazem cultura nesse país que foram criminosamente demonizados pelas toupeiras  do desastre administrativo que é o governo Bolsonaro. 
   


     Lembremo-nos das Noites Brasileiras; diante do bom inverno esqueçamo-nos um pouco das Vozes da Seca; façamos um Pedido a São João;  dancemos  um São João Antigo; mesmo que tenhamos de vencer uma Légua Tirana, pelas Estrada  de Canindé; lembrando que É Proibido Cochilar; nos abasteçamos na Feira de Caruaru; e  à meia noite você  Olha Pro  Céu torcendo,  Cai Cai Balão, sem provocar incêndios. 

Afastem as cadeiras da Sala de Reboco e Tome Xote.
Artigo anteriorOde à poesia popular
Próximo artigoO Grande Ditador
Relacionados

Tudo Passa Sobre a Terra

   Não foram poucas as vezes   que fizemos uso da famosa frase do escritor cearense José de Alencar, usada por ele ao finalizar o...

A esperança voltou!

  A semana que antecedeu as convenções partidárias foi muito movimentada, notadamente pela visita à Paraíba do presidente Luiz Inácio da Silva- Lula. A festa...

Um pequeno fragmento da história da Paraíba

  Não poderia deixar passar em branco em nossa coluna, o aniversário de nossa querida Parayba . Não vou entrar em detalhes ou contestar nada...

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas

Tudo Passa Sobre a Terra

   Não foram poucas as vezes   que fizemos uso da famosa frase do escritor cearense José de Alencar, usada por ele ao finalizar o...

A esperança voltou!

  A semana que antecedeu as convenções partidárias foi muito movimentada, notadamente pela visita à Paraíba do presidente Luiz Inácio da Silva- Lula. A festa...

Um pequeno fragmento da história da Paraíba

  Não poderia deixar passar em branco em nossa coluna, o aniversário de nossa querida Parayba . Não vou entrar em detalhes ou contestar nada...

Você não é todo mundo

Hoje eu me reservo o direito de usar essa máxima usada por mães mundo afora para falar da minha mãe. Se tem uma coisa...

Mais Lidas

OS 11 princípios de Joseph Goebbels

Texto originalmente publicado em 08/01/2020    Joseph Goebbels, para os que não têm a informação, foi ministro da propaganda de Adolf Hitler e comandou a...

Você não é todo mundo

Hoje eu me reservo o direito de usar essa máxima usada por mães mundo afora para falar da minha mãe. Se tem uma coisa...

Trinta Navios de Dimas Macedo

Navegar, mergulhar e voltar à tona sempre foi um desafio na vida de Dimas Macedo. Os Navios construídos por ele navegaram do Rio Salgado...

Um pequeno fragmento da história da Paraíba

  Não poderia deixar passar em branco em nossa coluna, o aniversário de nossa querida Parayba . Não vou entrar em detalhes ou contestar nada...